Sobre nós

fotografia da Aldeia de Benguela

Quem Somos?

 

A primeira Aldeia de Crianças SOS foi fundada por Hermann Gmeiner em 1949 em Imst, Austria. Ele comprometeu-se em ajudar crianças necessitadas, crianças que tinham perdido as suas casas, a sua segurança e as suas famílias como resultado da Segunda Guerra Mundial. Com o apoio de muitos doadores e co-trabalhadores, a nossa organização tem-se desenvolvido para ajudar crianças por todo o mundo.

Agimos pelas crianças como uma organização de desenvolvimento social independente e não-governamental. Respeitamos as várias religiões e culturas, e trabalhamos em países e comunidades onde a nossa missão pode contribuir para o desenvolvimento. Trabalhamos no espírito da Convenção das Nações Unidas em relação aos Direitos da Criança e promovemos estes direitos por todo o mundo.

Com o conceito de Aldeias de Crianças SOS, a nossa organização foi a primeira a explorar um método familiar de cuidados a longo prazo, para crianças órfãs e abandonadas.

Este conceito é baseado em quatro princípios:

A Mãe

Cada criança tem uma mãe atenciosa

A mãe SOS cria uma relaçao próxima com cada criança que lhe é confiada, providenciando-lhe a segurança, o amor e a estabilidade que cada criança necessita. Como uma profissional em cuidados infantis, ela vive juntamente com as crianças, guia-as no seu desenvolvimento gere o seu lar com independência. Ela reconhece e respeita o passado de cada criança, suas raízes culturais e religião.

Irmãos e Irmãs

Os laços familiares crescem naturalmente

Rapazes e raparigas de idades diferentes vivem juntos como irmãos e irmãs, como se fossem irmãos biológicos, vivendo dentro da mesma família SOS. Estas crianças e as suas mães SOS desenvolvem laços emocionais que duram para a vida inteira.

 

A Casa

Cada família cria o seu próprio lar

A casa é o lar familiar com o seu próprio sentimento, o seu ritmo e a sua própria rotina. Sob o seu tecto, as crianças gozam uma percepção real de segurança e sentem-se em casa. As crianças crescem e aprendem em conjunto, compartilhando responsabilidades e todas as alegrias e tristezas da vida quotidiana.

 

A Aldeia

A família SOS é uma parte da comunidade

As famílias SOS vivem em conjunto, formando um ambiente de ajuda mútua, onde as crianças gozam de uma infância feliz. As famílias compartilham experiências e ajudam-se umas às outras. Elas também vivem como membros integrados e contribuintes da comunidade local. Através da sua família, Aldeia e comunidade, cada criança aprende a participar activamente na sociedade.

 

Nossa Visão

 

Cada Criança pertence a uma família

A família é o coração da sociedade. Dentro da família cada criança é protegida e sente-se em casa. Aqui, a criança aprende valores, compartilha responsabilidades e forma relações para a vida inteira. O ambiente familiar proporcionar-lhes uma fundação sólida na qual podem construir as suas vidas.

Cada criança cresce com amor

Através do amor e aceitação, as feridas emocionais são curadas e a confiança é estabelecida. As crianças aprendem a confiar nelas próprias e nos outros. Com esta confiança própria, cada criança pode reconhecer e exercitar o seu potencial.